segunda-feira, 30 de agosto de 2010

use bem sua língua

Pensem como é importante cuidar 
e  usar com sabedoria,
esta parte do nosso corpo, 
que constrói, 
mas tambem destroi vidas,
o poder da língua é único,
use-a para abençoar,
para se opor a injustiça
para prosperar,
e para amar,
se possível...
Heberle Babetto
.

Nejar é um manjar



“O humano é custo,
empresa que se apresta
no deter
e detendo, cobra,.
E sobrando,
se gasta.
Mais preciso:
a parede do tempo
de estar vivo.
A parede sem nível
do possível.
Salvar? Mas estou salvo,
sou matéria.
Nenhum impedimento de subir,
exceto a condição de ser humano.
Mas esta é de romper.
Um osso, um plasma, uma epiderme,
o susto.
Quanto nos apanha, nos encerra
a popa de uma nau
que é apenas alma.”
Trecho de A árvore do mundo  (Carlos Nejar)

cidade


a cidade lá fora corre em desvairio
a pedra fria exala seu vapores
e a terra úmida evapora
com a chegada do sol.

o vento do inverno
resseca a pele,
os cabelos desalinham,
os olhos lacrimejam
é pré primavera
hoje é noite  de lua cheia,
saudade da era nova.

E a cidade segue em frente
noite e dia,
em madrugada fria.


caminhando sem lenço
nem documento
o sol demanda
nova florada,
as pessoas passam

o menino ri
corre sem direção
a sua volta o cachorro late,
uma xícara de café quente
um pouco de leite
e ele morna,
a fumaça subindo.
a tardinha caindo
lá fora os carros com propagandas
de políticos em marchinhas dissonantes
ecoam na janelas.
É pré primavera
sinto o anunciar de sua chegada...

Heberle Babetto

A sabedoria de um educador

A diferença entre uma abordagem clássica e uma mais efetiva:
Marcas de Batom no Banheiro...
Numa escola pública estava ocorrendo uma situação inusitada: uma turma de  meninas de 12 anos que usavam batom, todos os dias beijavam o espelho para remover o exceAsso de batom. 
 O diretor andava bastante aborrecido, porque o zelador tinha um trabalho enorme para limpar o espelho ao final do dia. Mas como sempre, na tarde seguinte, lá estavam às mesmas marcas de batom...
Um dia o diretor juntou o bando de meninas no banheiro e explicou pacientemente que era muito complicado limpar o espelho com todas aquelas marcas que elas faziam. Fez uma palestra de uma hora.
No dia seguinte às marcas de batom no banheiro reapareceram...
No outro dia, o diretor juntou o bando de meninas e o zelador no banheiro, e pediu ao zelador para demonstrar a dificuldade do trabalho.
O zelador imediatamente pegou um pano, molhou no vaso sanitário e passou no espelho.
Nunca mais apareceram marcas no espelho!

Moral da história: Há professores e há educadores...
Comunicar é sempre um desafio!
As vezes precisamos usar métodos diferentes para alcançar certos resultados. 

Gaya


Sonhei 
e tu estavas nua
sua pele cintilava
ao brilho da lua.

fiquei trêmulo
vibrava por inteiro,
meu sangue corria em jorro
enchia a caverna escura,
senti a força de dentro,
era mais forte do que eu,

senti a respiração, 
intensamente,
 me entreguei ao momento,
vivi cada segundo como se fosse o ultimo
e o primeiro instante como se fosse único,

me acostumei com o sua presença,
era encantadora e gostosa,
fiquei perdido em seu cabelos

 tu estavas nua
impávida em pelo e flor,
maravilhosa em sua formosura,
incrivelmente insólita,
indescritivelmente precisa,
sorria como uma virgem,
cavalgava com uma amazona,
eras tu,
e estavas nua...
Heberle Babetto

tradukka


FANTÁSTICO!!!
 
VOCÊ VAI ESCREVENDO A PALAVRA, OU MELHOR, FRASES INTEIRAS, QUALQUER  LINGUA E A TRADUÇÃO VAI APARECENDO AUTOMATICAMENTE!!!
COM UM NOTEBOOK NA MÃO VOCÊ AGORA PODE ESCREVER EM TODAS ASLINGUAS.


Este tradutor automático é espectacular 

Fácil de usar. Tradutor em tempo real desenvolvido pelo Google Translate.
Você vai escrevendo, ele detecta o idioma  e automaticamente  traduz.
Acredito que vale a pena tê-lo nos seus Favoritos
Pode clicar sem medo " 
http://tradukka.com/

plantar


 consciência 
é a manifestação de Deus na vida
o pacote completo
dar e receber amar doar
com generosidade e espontaneidade
e nunca fazer o mal
apenas se for necessário 
mas no fim colhemos o que plantamos 
Heberle

sábado, 28 de agosto de 2010

A CHUVA DO VELHO TESTAMENTO


“o barulho de existir:
um cão dentro
de mim
A CHUVA DO VELHO TESTAMENTO (trechos)
        (Carlos Nejar, O chapéu das estações)


“Quis possuir a alma,
possuí-la um instante,
numa respiração
que a conjugasse
em suas potências
e fosse alma
em corpo atravessada.
Quis possuir a alma,
mas de súbito
é uma conspiração
de antigos súditos
que a obriga sucumbir.
E é luz varando luz
de inerte vinco.
Quis possuir a alma,
a rebelião mais pura
de ser Deus
no Deus que me conjura.
Quis possuir a alma
como se um arado empurrasse
na soga deste instante
o corpo amado
para o corpo amante.
Quis possuir a alma
e a vislumbrei inteira
e alheia corpo adentro
como se alguma barca
fosse somente vento”
“Fui condenado ao corpo.
Como isolar a alma,
se está morto?
Como isolar a alma
se ela é corpo
e sabe conluiar os elementos
de sua retração, seu desespero?
Mas o corpo transgride
onde fora trancado.
E é vivo o condenado,
mesmo se a alma já morreu
nos arredores.
Se o corpo não é seu,
a alma estende
a renitência a outras,
entre as formas do céu
e dos planetas.
Eu tive a rebelião
de ser um corpo.
Fui condenado a Deus,
a seu estado mais feroz,
aquele que, de amor,
as coisas tremem
e as vozes não conseguem separar.
Fui elevado ao corpo”

é bonita é bonita e é bonita..

Muitos obstáculos encontramos em nosso caminho,
nunca deixe que ninguém desmereçam seu trabalho ou sua essência espiritual, isso é contra o espírito, contra a força da vida, e nosso criador.
Os que banalizam e riem hoje, não sabem seu real valor e precisam criticar ou rebaixar os outros para se sentirem seguros ou no controle.
No controle só Deus o Grande Espírito,  que deu a todos os seus filhos o livre arbítrio, uma prova de amor e liberdade.
O amor liberta, o amor genuíno permite o crescimento e o florescer das almas.
É comunhão e trabalha pelo todo.

A vida é o exercício de amor e verdade,
uma grande revelação e desnudamento do ser.
Heberle Babetto

Minha escolha





Sou um pedaço do universo,
perdido nesse
mundo.
Não sei se o acaso me trouxe,
ou se tenho um propósito de ser.

Mas aqui estou, aqui sou e aqui vou.

Às vezes é difícil aceitar,

que alguém seja tão diferente,
mas quando Deus fez a gente,
nos deu
a livre escolha de ser.
Assim estou, assim sou e assim vou.

Se você
quer seguir,
faça seu caminho andar
eu sei que vou sentir
Pois minha
opção é ficar.
Triste estou, triste  sou e triste vou





Mel L Frankust 

sagesse

sabedoria quântica
sem medida
nem dimensão
existe no poço
da existência
sem fundo
beba da agua da vida

mesmo o vázio é cheio de coisas


quantique sagesse
sans mesure
pas de taille
existe dans le puits
existence de
sans fond
boire l'eau de vie

même le vide est plein de choses

CASAMENTO

Naquela noite, enquanto minha esposa servia o jantar, eu segurei sua mão e disse: "Tenho algo importante para te dizer". Ela se sentou e jantou sem dizer uma palavra. Pude ver sofrimento em seus olhos.

De repente, eu também fiquei sem palavras. No entanto, eu tinha que dizer a ela o que estava pensando. Eu queria o divórcio. E abordei o assunto calmamente.

Ela não parecia irritada pelas minhas palavras e simplesmente  perguntou em voz baixa: "Por quê?" 
Eu evitei respondê-la, o que a deixou muito brava. Ela jogou os talheres longe e gritou "você não é homem!" Naquela noite, nós não conversamos mais. Pude ouví-la chorando. Eu sabia que ela queria um motivo para o fim do nosso casamento. Mas eu não tinha uma resposta satisfatória para esta pergunta. O meu coração não pertencia a ela mais e sim  a Jane. Eu simplesmente não a amava mais, sentia pena dela. 
Me sentindo muito culpado, rascunhei um acordo de divórcio, deixando para ela a casa, nosso carro e 30% das ações da minha empresa.

Ela tomou o papel da minha mão e o rasgou violentamente. A mulher com quem vivi pelos últimos 10 anos se tornou uma estranha para mim. Eu fiquei com dó deste desperdício de tempo e energia mas eu não voltaria atrás do que disse, pois amava a Jane profundamente. Finalmente ela começou a chorar alto na minha frente, o que já era esperado. Eu me senti libertado enquanto ela chorava. A minha obsessão por divórcio nas últimas semanas finalmente se materializava e o fim estava mais perto agora.

No dia seguinte, eu cheguei em casa tarde e a encontrei sentada na mesa escrevendo. Eu não jantei, fui direto para a cama e dormi imediatamente, pois estava cansado depois de ter passado o dia com a Jane.

Quando acordei no meio da noite, ela ainda estava sentada à mesa, escrevendo. Eu a ignorei e voltei a dormir.

Na manhã seguinte, ela me apresentou suas condições: ela não queria nada meu, mas pedia um mês de prazo para conceder o divórcio. Ela pediu que durante os próximos 30 dias a gente tentasse viver juntos de forma mais natural possivel. As suas razões eram simples: o nosso filho faria seus exames no próximo mês e precisava de um ambiente propício para prepar-se bem, sem os problemas de ter que lidar com o rompimento de seus pais.

Isso me pareceu razoável, mas ela acrescentou algo mais. Ela me lembrou do momento em que eu a carreguei para dentro da nossa casa no dia em que nos casamos e me pediu que durante os próximos 30 dias eu a carregasse para fora da casa todas as manhãs. Eu então percebi que ela estava completamente louca mas aceitei sua proposta para não tornar meus próximos dias ainda mais intoleráveis.

Eu contei para a Jane sobre o pedido da minha esposa e ela riu muito e achou a idéia totalmente absurda. "Ela pensa que impondo condições assim vai mudar alguma coisa; melhor ela encarar a situação e aceitar o divórcio" ,disse  Jane em tom de gozação. 

Minha esposa e eu não tínhamos nenhum contato físico havia muito tempo, então quando eu a carreguei para fora da casa no primeiro dia, foi totalmente estranho. Nosso filho nos aplaudiu dizendo "O papai está carregando a mamãe no colo!" Suas palavras me causaram constrangimento. Do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa, eu devo ter caminhado uns 10 metros carregando minha esposa no colo. Ela fechou os olhos e disse baixinho "Não conte para o nosso filho sobre o divórcio" Eu balancei a cabeça mesmo discordando e então a coloquei no chão assim que atravessamos a porta de entrada da casa. Ela foi pegar o ônibus para o trabalho e eu dirigi para o escritório.

No segundo dia, foi mais fácil para nós dois. Ela se apoiou no meu peito, eu senti o cheiro do perfume que ela usava. Eu então percebi que há muito tempo não prestava atenção a essa mulher. Ela certamente tinha envelhecido nestes últimos 10 anos, havia rugas no seu rosto, seu cabelo estava ficando fino e grisalho. O nosso casamento teve muito impacto nela. Por uns segundos, cheguei a pensar no que havia feito para ela estar neste estado.

No quarto dia, quando eu a levantei, senti uma certa intimidade maior com o corpo dela. Esta mulher havia dedicado 10 anos da vida dela a mim.

No quinto dia, a mesma coisa. Eu não disse nada a Jane, mas ficava a cada dia mais fácil carregá-la do nosso quarto à porta da casa. Talvez meus músculos estejam mais firmes com o exercício, pensei.

Certa manhã, ela estava tentando escolher um vestido. Ela experimentou uma série deles mas não conseguia achar um que servisse. Com um suspiro, ela disse "Todos os meus vestidos estão grandes para mim". Eu então percebi que ela realmente havia emagrecido bastante, daí a facilidade em carregá-la nos últimos dias.

A realidade caiu sobre mim com uma ponta de remorso... ela carrega tanta dor e tristeza em seu coração..... Instintivamente, eu estiquei o braço e toquei seus cabelos.

Nosso filho entrou no quarto neste momento e disse "Pai, está na hora de você carregar a mamãe". Para ele, ver seu pai carregando sua mão todas as manhãs tornou-se parte da rotina da casa. Minha esposa abraçou nosso filho e o segurou em seus braços por alguns longos segundos. Eu tive que sair de perto, temendo mudar de idéia agora que estava tão perto do meu objetivo. Em seguida, eu a carreguei em meus braços, do quarto para a sala, da sala para a porta de entrada da casa. Sua mão repousava em meu pescoço. Eu a segurei firme contra o meu corpo. Lembrei-me do dia do nosso casamento.

Mas o seu corpo tão magro me deixou triste. No último dia, quando eu a segurei em meus braços, por algum motivo não conseguia mover minhas pernas. Nosso filho já tinha ido para a escola e eu me vi pronunciando estas palavras: "Eu não percebi o quanto perdemos a nossa intimidade com o tempo".

Eu não consegui dirigir para o trabalho.... fui até o meu novo futuro endereço, saí do carro apressadamente, com medo de mudar de idéia...Subi as escadas e bati na porta do quarto. A Jane abriu a porta e eu disse a ela "Desculpe, Jane. Eu não quero mais me divorciar".

Ela olhou para mim sem acreditar e tocou na minha testa "Você está com febre?" Eu tirei sua mão da minha testa e repeti "Desculpe, Jane. Eu não vou me divorciar. Meu casamento ficou chato porque nós não soubemos valorizar os pequenos detalhes da nossa vida e não por falta de amor. Agora eu percebi que desde o dia em que carreguei minha esposa no dia do nosso casamento para nossa casa, eu devo segurá-la até que a morte nos separe.

A Jane então percebeu que era sério. Me deu um tapa no rosto, bateu a porta na minha cara e pude ouví-la chorando compulsivamente. Eu voltei para o carro e fui trabalhar.

Na loja de flores, no caminho de volta para casa, eu comprei um buquê de rosas para minha esposa. A atendente me perguntou o que eu gostaria de escrever no cartão. Eu sorri e escrevi:  "Eu te carregarei em meus braços todas as manhãs até que a morte nos separe".

Naquela noite, quando cheguei em casa, com um buquê de flores na mão e um grande sorriso no rosto, fui direto para o nosso quarto onde encontrei minha esposa deitada na cama - morta.
Minha esposa estava com câncer e vinha se tratando a vários meses, mas eu estava muito ocupado com a Jane para perceber que havia algo errado com ela. Ela sabia que morreria em breve e quis poupar nosso filho dos efeitos de um divórcio - e prolongou a nossa vida juntos proporcionando ao nosso filho a imagem de nós dois juntos toda manhã. Pelo menos aos olhos do meu filho, eu sou um marido carinhoso.

Os pequenos detalhes de nossa vida são o que realmente contam num relacionamento. Não é a mansão, o carro, as propriedades, o dinheiro no banco. Estes bens criam um ambiente propício a felicidade mas não proporcionam mais do que conforto. Portanto, encontre tempo para ser amigo de sua esposa, faça pequenas coisas um para o outro para mantê-los próximos e íntimos. Tenham um casamento real e feliz!
Se você não dividir isso com alguém, nada vai te acontecer.

Mas se escolher enviar para alguém, talvez salve um casamento.
Muitos fracassados na vida são pessoas que não perceberam que estavam tão perto do sucesso e preferiram desistir..

UM CASAMENTO CENTRADO EM CRISTO É UM CASAMENTO QUE DURA UMA VIDA TODA. 

doado por Sandra M

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

o divorcio é uma merda mas a vezes é um mal nescessário

hoje em dia é comum encontramos pessoas, que se divorciaram de sua alma, de seus sentimentos, de seus ideais.
E com a perda da inocência e o desencantamento com a existência que se segue,
o ceticismo se instala e ficamos ensimesmados, doídos, alquebrados, mudos e calados igual Tatu no Buraco da vida,
As vezes o buraco cresce tanto dentro da gente que consome amigos, filhos, companheiros de vida.
Romper com padrões de paralisia e o medo é difícil, eles se cristalizam, como calo, se fixam e crescem até esquecermos, se tornam uma segunda personalidade, sobrepondo a nossa real pessoa, vital e espontânea.
Assim construimos nossa humilde biografia, desistimos de nós mesmo, nossos sonhos e virtudes, ficamos conformados.
Ou nos tornamos fanáticos de guerra contra tudo e contra todos.
O divorcio pode ser um opção, se deixarmos a casca velha cair e trocar a pele, deixar ser e viver.
Heberle Babetto

poeta querido





Esse sagrado coração, 
é o poder da inocência, 
que  ecoa em sonora canção pela existência, 
e deflagra aromas únicos 
desperta sempre novo alento,
ainda que a vida insista em dizer não,
seguimos pelo vale em nossa caminhada,
 podemos até brincar de pique no meio da pradaria
e ver as estrelas deitarem seu manto.


Celebraremos o sabor do campo
e o cair do orvalho,
deitados em sonhos vivos
e realizados...
Heberle Babetto

obrigado por vir aqui !!!





 "Em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales de silêncio e paraísos secretos. "       
                                   Saint-Exupéry 

O nosso espírito é como a ave

dia a pós dia
senti tua presença
sua energia vital
as vezes um pouco cansada
outras vezes com o sorriso alegre e aberto,
sua alma pulsa como todas as almas que vivem.
a primavera chega
anunciando o alivio para alma cansada
a matéria liberta  
quando entendemos a oportunidade
de vibrar com espírito ativo,
alma amiga liberta esse canto
seu sopro vibra
e alimenta com coisa boas e saborosas
voce vence a cada dia
em seu vôo de bem aventurança!
Heberle Babetto

ser espiritual

"Se somos seres espirituais percorrendo um caminho humano, e não seres humanos que podem estar a transitar por um caminho espiritual, (...) 
então a vida não é só uma jornada, mas também uma peregrinação ou busca." 
Jean Shinoda Bolen

Coragem

Ter o gosto da dor ainda é melhor do que sentir o amargo do arrependimento. Não sou covarde, não me corto ao meio, não interrompo histórias ou destituo desejos. É do preço que pago por minhas escolhas, que alimento minha vontade de viver. Meu melhor resultado.Não é a vida que me leva, a deriva...sem destino, como folha ao vento.Construo e, se errar reconstruo ainda mais forte,ainda mais segura, ainda mais feliz.
Wanderlúcia Welerson Sott Meyer




Publicado no Recanto das Letras em 17/10/2009
Código do texto: T1872456

Bom dia...beijo e carinho!
Wanderlúcia 
ALMAS GÊMEAS

ALMAS E CORAÇÕES TÃO PRÓXIMOS
QUE PODEM ATÉ SE SENTIR,
SEM SE VER NEM SE TOCAR,
NUM MINUTO SE CALAR....
NUMA CANCÃO SE EMOCIONAR.

EM GESTOS PERFEITOS SE CARACTERIZAM
SÃO TÃO PRÓXIMOS E TÃO DISTINTOS
PELA VIDA SE APAIXONAM...
SUA IGULDADE É TÃO PERFEITA,
QUE O TEMPO NÃO CORRÓI,
NEM A MALDADE DESTRÓI,

SERES CONECTADOS AO TEMPO,
INSERIDOS EM TOTAL FIDELIDADE,
EM MOMENTOS DE PURA LEALDADE,

DISTÂNCIAS SEM COMPROMETIMENTO,
TRANSMISSÃO DE PENSAMENTOS,
ALMAS GÊMEAS NO SENTIR,
EM CARACTERÍSTICAS,
EM SE DISTINGÜIR,

NAS EUFORIAS SE PERMITIR,
NA DELÍCIA DE SABER ONDE IR.

by Majú  Braga


quinta-feira, 26 de agosto de 2010

CHOMSKY E AS 10 ESTRATÉGIAS DE MANIPULAÇÃO MEDIÁTICA

"Chomsky e as 10 Estratégias de Manipulação Mediática
O linguista americano Noam Chomsky elaborou a lista das "10 estratégias de manipulação" através dos media:


1- A ESTRATÉGIA DA DISTRAÇÃO


O elemento primordial do controle social é a estratégia da distração que consiste em desviar a atenção do público dos problemas importantes e das mudanças decididas pelas elites políticas e económicas, mediante a técnica do dilúvio ou inundações de contínuas distrações e de informações insignificantes. A estratégia da distração é igualmente indispensável para impedir o público de se interessar pelos conhecimentos essenciais, na área da ciência, da economia, da psicologia, da neurobiologia e da cibernética. "Manter a atenção do público distraída, longe dos verdadeiros problemas sociais, cativada por temas sem importância real. Manter o público ocupado, ocupado, ocupado, sem nenhum tempo para pensar; de volta à granja como os outros animais (citação do texto 'Armas silenciosas para guerras tranquilas')".


2- CRIAR PROBLEMAS, DEPOIS OFERECER SOLUÇÕES


Este método também é chamado "problema-reação-solução". Cria-se um problema, uma "situação" prevista para causar certa reação no público, a fim de que este seja o mandante das medidas que se deseja fazer aceitar. Por exemplo: deixar que se desenvolva ou se intensifique a violência urbana, ou organizar atentados sangrentos, a fim de que o público seja o mandante de leis de segurança e políticas em prejuízo da liberdade. Ou também: criar uma crise económica para fazer aceitar como um mal necessário o retrocesso dos direitos sociais e o desmantelamento dos serviços públicos.

3- A ESTRATÉGIA DA GRADAÇÃO


Para fazer com que se aceite uma medida inaceitável, basta aplicá-la gradativamente, a conta-gotas, por anos consecutivos. É desta maneira que condições socioeconómicas radicalmente novas (neoliberalismo) foram impostas durante as décadas de 1980 e 1990: Estado mínimo, privatizações, precariedade, flexibilidade, desemprego em massa, salários que já não asseguram ingressos decentes, tantas mudanças que haveriam provocado uma revolução se tivessem sido aplicadas de uma só vez.

4- A ESTRATÉGIA DO DIFERIDO

Outra maneira de se fazer aceitar uma decisão impopular é apresentá-la como sendo "dolorosa e necessária", obtendo a aceitação pública, no momento, para uma aplicação futura. É mais fácil aceitar um sacrifício futuro do que um sacrifício imediato. Primeiro, porque o esforço não é empregado imediatamente. Em seguida, porque o público, a massa, tem sempre a tendência de esperar ingenuamente que "tudo irá melhorar amanhã" e que o sacrifício exigido poderá ser evitado. Isto dá mais tempo ao público para se habituar à ideia de mudança e aceitá-la com resignação quando chegar o momento.

5- DIRIGIR-SE AO PÚBLICO COMO CRIANÇAS DE BAIXA IDADE

A maioria da publicidade dirigida ao grande público utiliza discurso, argumentos, personagens e entoação particularmente infantis, muitas vezes próximos da debilidade, como se o espectador fosse um menino de baixa idade ou um deficiente mental. Quanto mais se intente buscar enganar o espectador, mais se tende a adotar um tom infantilizante. Porquê? "Se você se dirige a uma pessoa como se ela tivesse a idade de 12 anos ou menos, então, em razão da sugestibilidade, ela tenderá, com certa probabilidade, a uma resposta ou reação também desprovida de um sentido crítico como a de uma pessoa de 12 anos ou menos de idade (ver "Armas silenciosas para guerras tranqüilas")".

6- UTILIZAR O ASPECTO EMOCIONAL MUITO MAIS DO QUE A REFLEXÃO

Fazer uso do aspecto emocional é uma técnica clássica para causar um curto circuito na análise racional, e por fim no sentido crítico dos indivíduos. Além do mais, a utilização do registo emocional permite abrir a porta de acesso ao inconsciente para implantar ou enxertar ideias, desejos, medos e temores, compulsões, ou induzir comportamentos...

7- MANTER O PÚBLICO NA IGNORÂNCIA E NA MEDIOCRIDADE
Fazer com que o público seja incapaz de compreender as tecnologias e os métodos utilizados para o seu controle e a sua escravidão. "A qualidade da educação dada às classes sociais inferiores deve ser a mais pobre e medíocre possível, de forma a que a distância da ignorância que paira entre as classes inferiores e as classes sociais superiores seja e permaneça impossível para o alcance das classes inferiores (ver 'Armas silenciosas para guerras tranquilas')".

8- ESTIMULAR O PÚBLICO A SER COMPLACENTE NA MEDIOCRIDADE

Promover no público o achar que é moda o facto de se ser estúpido, vulgar e inculto...

9- REFORÇAR A REVOLTA PELA AUTOCULPABILIDADE

Fazer o indivíduo acreditar que é somente ele o culpado pela sua própria desgraça, por causa da insuficiência da sua inteligência, das suas capacidades, ou dos seus esforços. Assim, ao invés de se rebelar contra o sistema económico, o indivíduo autodesvaloriza-se e culpa-se, o que gera um estado depressivo do qual um dos efeitos é a inibição da ação. E, sem ação, não há revolução!
10- CONHECER MELHOR OS INDIVÍDUOS DO QUE ELES MESMOS SE CONHECEM

No transcorrer dos últimos 50 anos, os avanços acelerados da ciência têm gerado uma brecha crescente entre os conhecimentos do público e aqueles possuídos e utilizados pelas elites dominantes. Graças à biologia, à neurobiologia e à psicologia aplicada, o "sistema" tem desfrutado de um conhecimento avançado do ser humano, tanto ao nível da forma física como psicologicamente. O sistema tem conseguido conhecer melhor o indivíduo comum do que ele se conhece a si mesmo. Isto significa que, na maioria dos casos, o sistema exerce um controlo e um poder maiores sobre os indivíduos do que estes sobre si mesmos."
Imagem: Google

fonte:

"A CONSCIÊNCIA É A BASE DE TUDO O QUE EXISTE"

Entrevista ao físico Amit Goswami

Entrevista ao físico Amit Goswami



fonte:
http://saberdesi.blogspot.com
O Roda Viva entrevista o físico nuclear indiano Amit Goswami, considerado um importante cientista da atualidade, ele tem instigado os meios acadêmicos com sua busca de uma ponte entre a ciência e a espiritualidade. Ele vive nos EUA, é PhD em física quântica e professor titular da Universidade de Física de Oregon. Há mais de 15 anos está envolvido em estudos que buscam construir o ponto de união entre a física quântica e a espiritualidade. Já foi rotulado de místico pela comunidade científica, e acalmou os críticos através de várias publicações técnicas a respeito de suas idéias. Em seu livro "O Universo Auto-Consciente" ele procura demonstrar que o universo é matematicamente inconsistente, e sem existência de um conjunto superior, no caso Deus. E diz que se esses estudos se desenvolverem, logo no início do terceiro milênio, Deus será objeto da ciência e não mais da religião

Aproveite a vida sempre tem um milagre te esperando

A cura promovida pelo Corcel Amarelo 


 Miráculo!!!!!!!!!
quem diz que milagre não existe não conhece o poder do corcel amarelo

video-entrevista de Robert Happé legendada


Reedição com áudio em Português da video-entrevista de Robert Happé legendada. Nesse vídeo foi mantida a legenda e adicionado o voice-over em Português. Happé fala com propriedade sobre religiões, a alma humana, da educação tradicional e a união dos polos negativo e feminino... e o momento mundial da humanidade de um modo geral. Excelente vídeo para reflexão - muitas verdades - para muitos, verdades inconvenientes. 


http://br.video.yahoo.com/watch/4028661/10896249

poste de 

Rosangela Milanez

 

Nadismo - a arte de se fazer NADA

Não fazer nada hoje em dia parece até impossível, com essa correria toda em nossas vidas fica cada vez menor o tempo que temos pra gente. E fazer nada nos tempos de hoje não é apenas "nada", se tem um retorno de benefícios incrível. Precisamos sempre de um momento só nosso, por uns 15 minutos por exemplo, e é pensando nisso que nasceu a prática do Nadismo, que nada mais é do que parar, se desligar, se desconectar desse mundo louco que nós vivemos. Uma simples pausa pode mudar o nosso dia por completo. E claro, com a prática do Nadismo crescendo cada vez mais, não poderia deixar de existir um clube, onde todos os praticantes se encontram para fazer nada pelo menos uma vez por mês. O Clube de Nadismo teve sua inauguração em 2006, e hoje conta com mais de 5 mil membros espalhados por todo país e alguns no exterior.


E isso não é coisa de outro país não, quem teve essa brilhante idéia foi um designer brasileiro chamado Marcelo Bohrer durante uma viagem para Londres na Inglaterra. Ele observou que a correria do dia a dia dos Londrinos era o mesmo do nosso, e resolveu por em prática o Nadismo aqui. O movimento vai ganhando cada vez mais força e destaque na mídia, virando notícia em revistas, jornais, internet e televisão. Ele também criou um símbolo para indentificar o movimento, que é um cubo vazio, simbolizando justamente a arte de se fazer o nada. O cubo é exposto nos encontros, avisando pra quem está passando pelo local que a galera não tá fazendo nada, e poder participar também. O ideal é praticar o nadismo em lugares a céu aberto, de preferência em parques, mas dentro de um escritório também pode praticar, desligue o monitor do computador e baixe a cabeça sobre a mesa, ou se refugie num lugar mais tranquilo.




Em uma entrevista que ele concedeu ao programa Mais Você, de Ana Maria Braga, ele deixa bem claro que o Nadismo não é pra ser usado de forma que isso atrapalhe nos nosso afazeres do dia, é só uma pequena pausa para renovar as energias. Então nem vá dizer ao seu chefe que você não está fazendo nada porque tá praticando o Nadismo, isso não vale. Se tiver interesse, você pode se inscrever no clube e saber mais detalhes.  


A proposta em essência é tempo para existir e respirar ... ok!  


o ócio vem da palavra existir


logo negócio é a negação do ócio  rsrs


Heberle

valores humanos,...

Quino, Autor da “Mafalda”, desiludido com os rumos deste século no que diz respeito a valores e educação, deixou impresso nos cartoons o seu sentimento. Acompanhem.
Hermanos Oremos  e eduquemos as almas !!!